Para garantir direitos dos servidores públicos, Sisepe pode ingressar com ação coletiva na Justiça

05/07/2022 05/07/2022 14:38 123 visualizações

O Sindicato dos Servidores Públicos no Estado do Tocantins (Sisepe-TO) está avaliando a possibilidade de buscar na Justiça, a garantia, para que mais de mil servidores públicos do Estado, que tiveram suas progressões negadas indevidamente pelo Governo, sejam revistas e implantadas.

De acordo com a nova diretoria do Sisepe, a proposta é de uma ação coletiva, com a finalidade de proteger os servidores públicos, filiados ao sindicato, que foram classificados como inaptos para progredir mesmo tendo cumprido todas as exigências, e mesmo tendo apresentado toda a documentação necessária, tiveram seus direitos negados pelo Governo do Estado.

O novo presidente do Sisepe, Elizeu Oliveira, lamenta o fato e ressalta a necessidade de buscar as garantias para os servidores. “Os colegas foram prejudicados pela desídia do Governo em analisar os processos. Está claro que houve desinteresse e falta de esforço por parte da administração estadual em revisar os recursos dos servidores de forma correta. Nossa vontade, é corrigir esta injustiça, e para isso vamos prosseguir com as ações”.

O Sisepe está atento para atender os servidores e disponibilizando o atendimento em sua sede em Palmas e nas subsedes em todas as regiões do Estado. 

A diretora de assuntos jurídicos Rosanny de Oliveira Silva Mariano orienta os servidores. “Os servidores prejudicados devem comparecer na sede do Sisepe, ou nos escritórios regionais, munidos de documentos para serem atendidos de forma clara, respeitosa e objetiva”.

Dos Documentos Pessoais do Filiado

Comprovante de endereço; página do diário com destaque ao nome na lista de inaptos; comprovante da interposição de recurso ou comprovante de apresentação dos documentos necessários ao cumprimento das exigências para concessão das progressões; e certificados (em caso do indeferimento por esse motivo).

Se Não Filiado ao Sindicato

Quem por ventura possui o direito à progressão, teve o recurso negado pelo Governo e não é filiado no Sisepe, também pode procurar o sindicato com a documentação, fazendo a filiação, poderá participar da ação coletiva que prejudicou muitos servidores.

Mais informações podem ser obtidas pelos telefones: Palmas (63) 3215-2148/ 3215-1654 / Araguaína (63) 3412-6012 / Gurupi (63) 3312-4689 Porto Nacional (63) 3363-4363 / Taguatinga (63) 3654-1769 / Araguatins (63) 3474-1437 Ou acesse o site do Sisepe-TO Por Ascom Sisepe